Scroll Top

Estou com Dermatite de Contato o que fazer?

Estou com Dermatite de Contato o que fazer?

Dermatite de Contato

 

A dermatite de contato é o resultado de uma exposição a determinado componente, seja sintético ou natural, em que a pele apresenta uma reação inflamatória através de erupções, vermelhidão, descamação e coceira.

Esses são os sintomas mais comuns, e a doença não é contagiosa e tampouco oferece risco de morte.

Dependendo do tipo e do grau de dermatite, é possível que ela seja feia aos olhos, mas não há problema em ter contato nem encostar na pessoa.

A dermatite pode aparecer já na primeira vez que entramos em contato com o componente ou então depois de algum tempo de contato regular.

Para observar a diferença entre agudo (imediato) e crônico (demorado) é necessário avaliar o tempo de duração da dermatite de contato…

…Mais de seis semanas é o agudo e …

…Menos de seis semanas, crônico.

No caso do primeiríssimo contato já apresentar problemas, trata-se de uma dermatite de contato por irritante primário…

…Já, se ocorrer após mais de uma exposição, então o nome é dermatite de contato alérgica.

 

 

Causas da dermatite de contato

 

As mais comuns variam entre perfumes e outros cosméticos, além de pelos de animais como gatos, cachorros e outros.

Ainda é comum a dermatite por causa de detergentes, bijuterias, sabonetes e até plantas.

Causas naturais como sol e substâncias químicas como o cloro também são possíveis.

As causas tanto alérgenas quanto irritantes são o níquel, que é um metal muito usado na fabricação de:

  • bijuterias,
  • fechos de roupa,
  • moedas e
  • zíperes,
  • a hera venenosa, que contém o urushiol, um óleo alergênico,
  • a castanha de caju,
  • os antibióticos,
  • anti-histamínicos e
  • antissépticos,
  • fragrâncias específicas,
  • produtos de limpeza,
  • maquiagem,
  • tecidos,
  • látex e
  • formaldeído.

Tratamento.

É necessário primeiro descobrir o que está causando a dermatite; a partir disso o simples ato de evitar a substância pode ser o tratamento ideal.

Para aliviar a dor e a coceira, compressas úmidas e cremes com componentes anti-inflamatórios auxiliam a relaxar a pele e diminuir a inflamação.

Exatamente após o contato, é importante lavar a região com água corrente e fria de preferência, para que o resíduo do alérgeno ou irritante fique na pele.

É uma forma de evitar uma reação maior.

O melhor tratamento, como já disse anteriormente, é a prevenção, ou seja, não entrar em contato com o agente.

É preciso identificar o que está causando a dermatite, para que assim você faça o tratamento e não precise mais dele na vida.

Pode demorar de duas a quatro semanas para que os sintomas e a vermelhidão na pele desapareçam

Nos casos leves a moderados, usar os cremes específicos para esse tratamento pode bastar para resolver a situação.

Mesmo assim, o mais inteligente é procurar um dermatologista para que ele avalie com cuidado o seu quadro clínico.

Nos casos mais graves, o médico pode prescrever corticosteroides orais e recomendar anti-histamínicos para aliviar a coceira.

 

 

Dermatite Irritativa.

 

É o mais comum entre os tipos de dermatite de contato que são conhecidos.

A reação acontece no momento do contato e já desencadeia uma irritação direta.

Ela costuma deixar a pele bem seca, áspera e vermelha.

Até mesmo pequenas fissuras podem se formar nas mãos e a coceira não é tanta, mas pode acontecer uma dor e a sensação de queimadura.

Acontece mais nas mãos, no rosto e nos dedos.

Tem como causas mais prováveis os solventes químicos, desodorantes e inseticidas.

A gravidade depende do grau de agressão da substância e do tempo de exposição.

 

 

Dermatite Alérgica.

 

A dermatite alérgica só acontece quando você tem alergia a determinado produto e entra em contato tópico com ele.

Esse contato desencadeia uma reação imunológica, e aparecem erupções vermelhas e até bolhas se for muito grave.

Os alérgenos mais recorrentes são:

  • a borracha natural,
  • perfumes,
  • tintura de cabelo,
  • algumas plantas,
  • esmaltes e
  • metais como o níquel.

É possível ficar sensível a um alérgeno forte, como a planta hera venenosa depois de apenas uma exposição…

…Enquanto que aos alérgenos mais fracos podem precisar de várias exposições ao longo dos anos para começarem a mostrar sintomas.

Porém, assim que a alergia aparece será para o resto da vida, ou seja, daí em diante qualquer exposição ao agente, por mínima que seja, vai causar uma reação alérgica.

Uma ramificação da dermatite alérgica se trata da dermatite de contato fotoalérgica, que é quando você se expõe ao agente e depois toma sol.

O sol funciona como um catalisador da alergia e provoca as reações…

…Então, alguns produtos que existem nos protetores solares e algumas pomadas, por exemplo, podem causar esse tipo de distúrbio.

 

 

Sintomas.

 

Os sintomas variam entre as dermatites irritativa e alérgica, mas os mais comuns são:

  • a vermelhidão,
  • a coceira,
  • erupção cutânea,
  • dor ou sensibilidade,
  • inchaços,
  • rachaduras e
  • manchas secas.

Queimação, bolhas e crostas nos casos mais graves.

 

Tem como prevenir?

Para prevenir as dermatites, é importante avaliar os agentes irritativos e alérgenos e procurar ter cautela na hora de manipulá-los.

Por exemplo, usar luvas na hora de realizar a limpeza da casa é uma boa pedida…

É aconselhável realizar pequenos testes de alergia com produtos cosméticos no dorso da mão para verificar se a pele fica irritada.

Lavar e enxaguar as regiões que entram em contato com um possível agente com sabonete neutro também é importante…

…E o mais rápido possível.

Escolher produtos sem perfume para lavar as roupas ajuda, já que o problema pode estar no sabão em pó ou líquido.

Preste atenção na sua rotina antes do aparecimento da irritação e lembre-se de tudo com o que entrou em contato.

Essa é uma maneira de descobrir o que está causando a irritação.

O trabalho é outro lugar de fácil contaminação…

…Então use sempre todos os equipamentos de proteção individual…

…Principalmente se você trabalha em lugares insalubres como hospitais, produção da indústria ou na rua.

Usar cremes hidratantes é um jeito de restaurar a camada superficial da pele e mantê-la macia e, por consequência, mais protegida.

Observe se não há potenciais irritativos ou alérgenos nesses cremes…

…E de preferência peça uma recomendação de creme ao dermatologista.

 

Este artigo satisfez suas dúvidas sobre a dermatite de contato?

Você tem alguma informação que considera importante de ser acrescentada neste post?

Diga abaixo o que achou, deixe sua opinião ou crítica.

Compartilhe com seus amigos.

 

loading...

Sobre o autor | Website

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.