Scroll Top

Transmissão da Herpes Genital, Sintomas e Tratamento

Transmissão da Herpes Genital

Transmissão da Herpes Genital

 

Atualmente, estima-se que um em cada cinco adultos está convivendo com o vírus, mas muitas destas pessoas nem sequer sabem que estão contaminados e também não apresentam os sintomas, por isso podem estar sendo agentes de transmissão da herpes genital.

Difícil, não acha?

 

Transmissão da Herpes Genital.

A Herpes genital, como é chamada popularmente, é uma doença sexualmente transmissível (DST).

Existe três formas de transmissão da herpes genital, que são as formas mais comuns de contágio:

 

  1. É transmitida nos períodos em que a doença está ativa, ou seja, quando você consegue enxergar as feridas, bolhas e erupções.

 

  1. Porém, você também poderá contrair a doença se você entrar em contato com a pele da pessoa que está infectada mesmo não possuindo nenhum dos sintomas, esses são os casos que talvez a pessoa nem sequer saiba que possui a herpes genital.

 

  1. Por fluidos da genital de uma pessoa infectada, mesmo não possuindo nenhum sintoma, como vimos anteriormente.

 

Há muitos casos de pessoas que culpam seus parceiros(a) “fixos” por ter transmitido a doença no contato mais íntimo, mas o que muitas pessoas não sabem é que mesmo se você tiver sido infectado pelo vírus no passado e não apresentar as lesões, mesmo assim poderá transmitir a herpes genital para outras pessoas.

 

Então é interessante que você ou o seu parceiro(a) sempre vá ao médico para acompanhar a saúde, ainda mais se alguns de vocês tiver a doença.

 

Transmissão da Herpes Genital

Transmissão da Herpes Genital

 

Você pode estar correndo perigo!

 

  • Sabia que uma em cada quatro mulheres está infectada? E no caso dos homens, cerca de um em cada oito homens possui a doença. Sendo a mulher mais vulnerável a essa infecção que os homens.
  • Manter contato íntimo sem camisinha é perigoso em qualquer situação, mas no caso da herpes genital é fundamental que você faça uso do preservativo sempre!
  • Ter mais de um parceiro(a) sexual é muito perigoso e as chances de você contrair a doença passa a ser enorme.

 

Mas aí você me pergunta: “Como saber de imediato se estou com herpes se posso não apresentar os sintomas?”

 

 

Sintomas da herpes genital.

 

E então é aí que o seu corpo entra em cena mandando alguns avisos de que pode ter algo de errado com ele…

…Sintomas que parecem muito com a gripe, como, por exemplo:

 

  • Falta de apetite
  • Febre
  • Dores musculares, principalmente nos membros inferiores

 

Esses são os sintomas característicos que aparecem logo depois do contágio… Mas o seu corpo não vai parar de te avisar e os sintomas vão ficando cada vez mais agressivos:

 

  • Manchas avermelhadas e pequenas bolhas esbranquiçadas.
  • Dores e irritações na sua genital.
  • Feridas abertas que aparecem na área genital, podendo sangrar e arder com a urina.
  • Cascas que aparecem quando as feridas abertas cicatrizam.

 

Aos primeiros sinais mais agressivos é bom que você procure o médico, pois os sintomas só tendem a piorar sem o tratamento adequado.

 

 

Tratamento

 

Como você já deve saber, a herpes ainda não tem cura, mas existe tratamento que amenizará os incômodos… Além de possíveis complicações que possam fazer os sintomas se espalhar pelo seu corpo.

 

O tratamento é realizado por meio de medicamentos antivirais, que aliviam o desconforto e a dor durante as crises e também cicatriza as feridas mais rapidamente.

 

Então aos primeiros sinais, não procrastine, vá logo ao médico e inicie o tratamento!

 

Remédios para tratamento da herpes costumam custar caro, por isso, é importante conhecer as melhores formas de prevenção… Você deve conhecer também os vilões da alimentação que desencadeiam o aparecimento frequente da herpes.

 

 

Existe uma forma para você neutralizar o vírus, embora a medicina afirme não existir cura.

Um e-book mostra o segredo para isso.

Um método simples, barato e eficiente que vem ajudando centenas de pessoas e, sem sombra de dúvidas, irá ajudar você também.

Imagine você acordando de manhã se sentindo cada vez mais feliz e satisfeito ao se olhar no espelho, em seus genitais e constatar a ausência de bolhas e feridas, sua família e seus amigos não mais olharem para você com aquela interrogação nos olhos: “será que ele tem herpes?”

Esse é um método realmente incrível, mas você mesmo irá constatar isso depois que estiver aplicando.

Conheça o método. Clique Aqui!

 

 

 
[relfake id=”3″]

loading...

Sobre o autor | Website

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.